Aprendizado Espírita
Textos e ferramentas para aprender e divulgar o Espiritismo
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


A REVISTA ESPÍRITA DE ALLAN KARDEC
 
Após o lançamento da 1a. edição de O LIVRO DOS ESPÍRITOS, em 18 abril de 1857, Allan Kardec se deu conta da
 
[…] imperiosa necessidade de criar uma folha que periodicamente pusesse os estudiosos dos fenômenos espíritas a par do que se passava no mundo e os instruísse de modo ordenado sobre as mais variadas questões doutrinárias […]
 
Surgia assim a REVISTA ESPÍRITA.
                                 

SUMÁRIO
 

Apresentação
 
A coleção da Revista Espírita é a mais prodigiosa fonte de informações sobre o Espiritismo e de instruções doutrinárias. Allan Kardec a indica, no Capítulo 3o. de O LIVRO DOS MÉDIUNS, como obra indispensável para o estudo da doutrina.

J. Herculano Pires - Apresentação da coletânea Revista Espírita, da EDICEL

Como sabemos, em 1858, alguns meses decorridos do lançamento de O Livro dos Espíritos, Allan Kardec fundou uma sociedade de pesquisas — a Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas — e uma revista mensal de estudos espíritas — a Revista Espírita (Revue Spirite), que  tinha como subtítulo: Jornal de estudos psicológicos.

Resultado de imagem para revista espirita
 
Em português, a primeira edição da  Revista Espírita foi produzida pela EDICEL - Editora Cultura Espírita, de São Paulo, nos anos 1950, cabendo a Júlio de Abreu Filho a tradução dos textos, e a José Herculano Pires a das poesias.

  
Júlio de Abreu Filho e Herculano Pires

 
   Salvador Gentile

Anos depois, surgiu uma nova edição, pelo IDE - Instituto de Difusão Espírita, de Araras, SP, na tradução de Salvador Gentile, comercializada inicialmente em facículos.

evandro.jpg
 
A edição da FEB e seu tradutor Evandro Noleto Bezerra

E em 2004, a FEB - Federação Brasileira Brasileira publicou uma nova tradução, essa feita por Evandro Noleto Bezerra (Inaldo Lacerda Lima verteu as poesias).

Como se viu acima, há décadas a Revista Espírita está disponível entre nós, e não há como se conhecer bem a Doutrina Espírita Kardec sem estudar essa coletânea. Mas o que se vê no meio espírita, infelizmente, é um grande desconhecimento dessa obra, seja por ignorância, seja por descaso, seja pela preguiça mental de que já nos advertiu o Espírito Ignácio Bittencourt (1).

Os Anais do Espiritismo
 
A REVISTA foi até agora, e não podia deixar de ser, uma obra pessoal, visto que fazia parte de nossas obras doutrinárias, constituindo os Anais do Espiritismo. Por seu intermédio é que todos os princípios novos foram elaborados e entregues ao estudo.
 
Allan Kardec, A Constituição do Espiritismo, cap. X, in Obras Póstumas

A Revista Espírita foi um grande instrumento utilizado por Kardec no trabalho de codificação do Espiritismo. Serviu de laboratório de teses espíritas, de meio de captação das reações do público, de ferramenta publicitária e de veículo de informação e defesa dos postulados doutrinários, tornando-se um repositório único de fatos, relatórios, estudos, discussões e análises fundamentais da Terceira Revelação.

Ela é a própria história viva do Espiritismo, o registro de sua implantação e desenvolvimento em meados do Século XIX e, no dizer de Kardec, obra complementar, isto é, destinada a completar o ensino básico de
O Livro dos Espiritos e de O Livro dos Médiuns
(2).

De fato, como assinalou o professor Herculano Pires (3), diversos problemas são lá esclarecidos de maneira viva, isto é, através de exemplos e comunicações a respeito, além das análises de Kardec. Entre tais problemas estão os referentes
 
- à mediunidade curadora em seus vários aspectos;
- aos casos de obsessão e posseção; ao desenvolvimento mediúnico;
- aos métodos de trabalho prático e teórico;
- à legitimidade das comunicações e à prevenção das mistificações (que não são um problema espírita, mas humano, pois a mistificação está presente em todos os campos das atividades humanas na Terra);
- às vidas sucessivas e das formas de reencarnação consciente e inconsciente, neste e em outros mundos;
- à existência de espíritos não-humanos (que tem servido de arma para ataques de espiritualistas diversos contra o Espiritismo, simplesmente por desconhecerem a posição doutrinária no assunto).

 
Em resumo, a Revista Espírita constitui parte integrante da Codificação Espírita e seu estudo metódico é indispensável à formação doutrinária de quantos se lancem no Movimento Espírita a praticar e divulgar o Espiritismo com amor e responsabilidade.

Prefácios das edições brasileiras
 
- Apresentação EDICEL - J. Herculano Pires - aqui
- Apresentação da FEB - Nestor João Masoti - aqui
- Notas do tradutor da FEB - Evandro Noleto Bezerra - aqui

Onde encontrar

Revista Espírita Digital

- FEB - aqui
- IDE - Autores Espíritas Clássicos - aqui
 
Conselhos, Reflexões e Máximas de Allan Kardec na Revista Espirita de 1858/1869

- Autores Espíritas Clássicos - aqui

Relação dos Assuntos Tratados por Allan Kardec na Revista Espírita de 1858/1869

- Centro Espírita Ismael/Astolfo O. de Oliveira Filho - aqui

Índices da Revista Espírita de 1868/1869

- FEB - Índice Geral - aqui
- FEB Índice eletrônico - aqui

Pesquisa eletrônica na Revista Espírita de 1858/1869 (e toda a obra de Kardec)

- KARDECPEDIA - aqui
- IPEAK - Instituto de Pesquisas Espíritas Allan Kardec - aqui
- Este siste possibilita também comparar o texto português e o francês
 
Links para citações de trechos da Revista Espírita

- Biblia do Caminho - aqui
- O link acima remete à coletânea da Revista Espírita de 1858/1869. E de cada artigo da revista é possível extrair um link, como se pode ver neste exemplo aqui.

Bibliografias contidas na Revista Espirita de 1858/1969 

- Autores Espíritas Clássicos - aqui
 

Livros, textos e vídeos sobre a Revista Espírita
 
d6073eb481e4bd86df1f2a6c3fe7150c34a8c8ff  Tesouros-da-Revista-Espirita-de-Allan-Kardec-1png

- Tesouros da Revista Espírita De Allan Kardec - aqui
- Laboratório de Allan Kardec - Evandro Noleto Bezerra - FEB
- aqui
Revista Espírita - O laboratório iluminado de Kardec no espiritismo - Eliana Haddad - aqui
- Refutações das críticas contra o Espiritismo, por A. Kardec - Paulo S. S. Neto [Org.] - aqui
- Por que Allan Kardec criou a Revista Espírita? - Video - aqui
- Revista Espírita - Palestra - Cosme Massi - aqui

Seleções da Revista Espírita
 
Veja abaixo link para uma seleção de textos, artigos e ensaios, divulgados na seção Seleções da Revista Espírita deste site Aprendizado Espírita, série essa que tem por objetivo relembrar textos, instruções e episódios marcantes do Espiritismo publicados na Revista Espírita, nos 12 anos —  1858 a 1869 — em que Allan Kardec a redigiu pessoalmente.
 
- Seleções da Revista Espírita - aqui

Notas

1) VIEIRA, Waldo. Seareiros de Volta, por Espíritos Diversos. 5ª ed. FEB, 1993
2) KARDEC, Allan. O Livro dos Médiuns, Cap. 3°
3) PIRES, J. Herculano Pires. Apresentação da Revista Espírita - Vol. I - 1858 - São Paulo, Edicel, s/d

Referências

- Allan Kardec. Revista Espírita -  Anos 1858 a 1869 - Tradução de Júlio de Abreu Filho e J. Herculano Pires - São Paulo : Edicel, s/d
- Allan Kardec. Revista Espírita -  Anos 1858 a 1869 - Tradução de Salvador Gentile - Araras, SP : Ide, 1993
- Allan Kardec. Revista Espírita -  Anos 1858 a 1869 - Tradução de Evandro Noleto Bezerra - Brasília : FEB, 2004
- Conselhos, reflexões e máximas de Allan Kardec - Tradução de Paulo A. Ferreira - Disponível em: www.autoresespiritasclassicos.com

Revista Espírita da EDICEL - Apresentação por J. Herculano Pires
 
                                                                                                                                                                 Voltar Prefácios


 
ALGuimaraes
Enviado por ALGuimaraes em 18/01/2017
Alterado em 03/08/2017


Comentários

Os Curadores do Senhor R$20,00
Abigail [Mediunidade e redenção] R$20,00
Menino-Serelepe R$20,00